Início Cultura Língua Portuguesa: palavras estranhas e incomuns

Língua Portuguesa: palavras estranhas e incomuns

Há palavras interessantes que são bastante desconhecidas pela maioria das pessoas, fruto de serem raramente utilizadas: palavras estranhas e incomuns.

palavras estranhas e incomuns
Língua Portuguesa: palavras estranhas e incomuns

Há palavras interessantes que são bastante desconhecidas pela maioria das pessoas, fruto de serem raramente utilizadas. Língua Portuguesa: palavras estranhas e incomuns.

É impossível dominar a Língua Portuguesa. Há bastantes regras e é praticamente impossível saber o significado de todas as palavras. Ao todo são mais de 300.000 palavras que fazem parte da nossa língua. Há palavras bastante raras que, quando nos confrontamos com elas, somos praticamente obrigados a ir a um dicionário ou a pesquisar o seu sentido num motor de busca.

Quando estamos perante uma dúvida sobre o significado da palavra, convém combater a preguiça e vencer a proatividade. Ir logo à procura da resposta pois, se não a obtivermos com celeridade, estaremos a deixar-nos mais permissivos ao erro. É comum encontrarmos palavras que desconhecemos, pois são diversas as palavras que não são frequentemente utilizadas.

Usar regularmente um dicionário revela humildade (“eu não sei”) e ambição (“mas quero saber”). Além de ser um gesto que permite reconhecer o valor da nossa língua, é também um indicador de que estamos no caminho certo para o sucesso.

De modo a ajudar as pessoas ambiciosas, reunimos palavras desconhecidas da grande maioria. Existem palavras com significados interessantes e que, sendo raramente usadas, merecem ser mais conhecidas. Quer saber mais?

Leia também:

Língua Portuguesa: palavras estranhas e incomuns

Abnóxio

Este termo tem como significado: o mesmo que inofensivo; é algo inócuo. Abnóxio é um adjetivo que significa inocente, inofensivo, inócuo. É um termo que vem do latim ab-, «não» +noxĭu-, «culpado». Abnóxio é algo que não causa dano, que não faz mal.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: Ela fez um comentário abnóxio, mas as consequências foram verdadeiramente surpreendentes.

Colportor

Este termo tem como significado: alguém que vende livros ao domicílio e que faz vendas de porta em porta (geralmente de livros religiosos). Termo que vem do termo francês colporteur, «vendedor ambulante».

Colportor é adjetivo ou nome masculino que identifica pessoa que traz consigo livros (sobretudo de cariz religioso) ou outras mercadorias, para vender ou distribuir de porta em porta.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: A filha do Sr. José casou-se com um colportor que ganhou fortunas a vender bíblias.

Cutirreação

Este termo tem como significado: reação alérgica. Cutirreação é nome feminino que indica uma reação provocada na pele, tendo esta sido promovida pela injeção intradérmica de uma substância para a qual o organismo está sensibilizado. Termo vem de “cuti-”+”reacção”.

É teste para revelar diversas doenças (como a tuberculose), que consiste em depositar na pele determinadas substâncias (por exemplo a tuberculina) que produzem uma reação, que pode ser (ou não) visível.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: A cutirreação esbarra na grande dificuldade da obtenção do líquido da vesícula cística.

Dromomania

Este termo tem como significado: mania de andar. Dromomania é o gosto de vaguear, de ter vida errante. Na psicologia, é a tendência patológica para caminhar, para andar; dromopatia; é um automatismo ambulatório. Vem de “dromo”+”mania”.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: A Maria é hiperativa. Sofre do mal da dromomania e não consegue parar por um instante.

Esputar

Este termo tem como significado: cuspir muito. Esputar é salivar com frequência. É um verbo intransitivo. Este termo vem do latim sputāre, com o mesmo significado.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: É frustrante estar com alguém que está constantemente a esputar. É verdadeiramente nojento!

Oscitar

Este termo tem como significado: o mesmo que bocejar. Oscitar é o mesmo que bocejar. É abrir a boca em sinal de aborrecimento ou de enfado. Do latim oscitāre, com o mesmo significado.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: O rei foi ao teatro e não parou de oscitar ao longo da peça, o que era mau sinal. Ele acabou por abandonar a peça a meio!

Zafimeiro

Este termo tem como significado: ser esperto, um velhaco, um ser astucioso. Zafimeiro é alguém que age com manha.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: Ele é muito zafimeiro. Por essa razão, devemos ser sempre cautelosos ao negociar com ele.

Zumbrir

Este termo tem como significado: curvar, dobrar. Zumbrir é um termo de origem obscura. Este verbo pronominal significa dobrar-se; vergar-se, tornar-se arqueado. No sentido figurado, pode ainda significar humilhar-se.

Exemplo do uso desta palavra numa frase: Na presença do rei, o cortesão zumbria-se um pouco contrariado.

NCultura

Se gostou deste artigo reaja a ele e faça um comentário!

Se gostou deste tema pode procurar outros artigos sobre Língua Portuguesa no NCultura. Se tem outros temas que pretende que sejam explorados pelo NCultura, deixe-nos sugestões.

Se é apaixonado pelo mundo, saiba que há muitos mais artigos para ler no NCultura.

Apaixone-se pelo NCultura e explore diferentes temáticas: turismo e viagens, saúde, gastronomia, cultura, histórias, entre outras…

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.